A segunda tomada da seção “O que é isso?”, produzida pelo Ciência na rua, aborda, muito oportunamente, o campo do conhecimento ou a disciplina chamada ciência política. E o faz pelas vozes de um cientista político experiente e largamente conhecido, André Singer, professor da Universidade de São Paulo (USP), autor, entre várias outras obras, do excelente O lulismo em crise: um quebra-cabeça do período Dilma (2011-2016), recém lançado, colunista de fôlego especial na Folha de S. Paulo, e de um cientista político jovem e audacioso, Jean Tible, também professor da USP, autor do originalíssimo Marx selvagem, em que de certa maneira procura olhar a teoria de Marx a partir de um ponto de visão da experiência dos povos ditos selvagens da América Latina.

A série “O que é isso?”, com vídeos curtos, amadores, é uma nova experiência dentro do propósito do Ciência na rua de contribuir para a divulgação da ciência e o jornalismo científico com graça, leveza e, quando possível, com humor. O projeto quer contribuir um tantinho para a difusão de uma certa cultura científica, principalmente entre a turma de 14 a 25 anos. Dos cerca de 200 milhões de brasileiros, mais de 30 milhões estão nessa faixa etária que, dentro de duas décadas, deverá dar as cartas na construção deste nosso país, na dependência de se conseguir fazer avançar a democracia hoje ameaçada. E melhor que haja um número muito grande de jovens bem formados e com capacidade crítica para ajudar a desenvolver um projeto de nação democrática – e a cultura científica ajuda também nesse sentido.

Veja esses dois novos vídeos e os dois anteriores (filosofia).