jornalismo, ciência, juventude e humor
Solidariedade como inspiração da economia

Por Vinicius Almeida

O objetivo das ciências econômicas não é fornecer instrumentos ao mercado, mas conhecer e orientar a partilha dos recursos visando ao cuidado de todos na sociedade, diz jovem colunistas a estudantes do ensino médio

Vinicius Almeida, o Vinne, estudante de graduação na Escola Superior Luiz de Queiroz (Esalq-USP), toma seu campo de formação, a economia, como uma ciência estruturada sobre a necessidade de partilhar os recursos disponíveis com todos – um campo científico em contínua mudança, como os outros, aliás, baseado num comportamento social solidário. Foi exatamente isso que ele procurou explicar ao conversar com estudantes do ensino médio na Feira de Profissões da USP, na quinta e sexta-feira passadas, 14 e 15 de setembro, no campus da Cidade Universitária, em São Paulo. Os adolescentes queriam saber o que, afinal, é e o que faz um economista. E a resposta de Vinne, orientada por uma visão generosa de ciência cidadã, não poderia ser mais distante daquela usualmente oferecida de bandeja pelos economistas que seguem a cartilha neoliberal, os conceitos e receitas monetaristas e os ditames do chamado mercado, aquele estreito universo financeiro de costas para a sociedade e suas dramáticas necessidades. É disso que ele fala no vídeo desta semana, confira.


Vinicius Almeida, o Vinne, é estudante de ciências econômicas na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq-USP)

Compartilhe:

Colunistas

Luiza Moura

Luiza Moura

Thaciana de Sousa Santos

Thaciana de Sousa Santos

Vinicius Almeida

Vinicius Almeida

Acompanhe nas redes

ASSINE NOSSO BOLETIM

publicidade