Nossa cientisteen Luiza Moura foi com toda a sua turma do Colégio Oswald de Andrade, no comecinho de outubro, à região de fronteira de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais para conhecer de perto robustos exemplares da indústria de base e geradoras de energia,  ver como elas impactaram e impactam a vida da população local e o meio ambiente. E, no primeiro de três vídeos a esse respeito que prometeu  ao Ciência na rua, ela trata com garbo da Usina Hidrelétrica de Funil, em Itatiaia, no Rio (a rima é involuntária). Vejam aí!