Ciência na rua | Ciência na Rua

Recordista em cromossomos sexuais. Dona Claudine está pensando como lucrar com essa vantagem

Ainda na ressaca do Carnaval, Dona Claudine conhece um sapo que tem seis pares de cromossomos sexuais. Um recorde entre os vertebrados. Ganha até do ser humano, que entre os 23 pares, só tem um sexual. Quem descobriu a proeza do anfíbio foi o biólogo Thiago Gazoni, do Instituto de Biociências da Universidade Estadual Paulista (Unesp) em Rio Claro. O trabalho da equipe de Gazoni foi publicado na revista Chromosoma.