O dog Neymar mal humorado com as tentativas de arrancarem seus carrapatos

Neymar, companheiro de Dona Claudine, está todo se coçando. Nem o topete escapa. A velhoca desconfia de carrapato. Mas carrapato resistente mesmo foi o que o pesquisador Enrique Peñalver, do Instituto de Pesquisa de Geologia e Mineração da Espanha, descobriu.

Numa gota de âmbar, ele encontrou uma espécie nova de carrapato. E o danado estava de barriga cheia. Tinha acabado de sugar o sangue de um dinossauro de 100 milhões de anos atrás, no período Cretáceo.

Já Neymar, coitado, sofria com um invasor bem mais doce, digamos assim. Ouça aqui!