Autor: Elisa Marconi

Meninos e meninas recolhem “causos” populares e fazem livro

A imagem de um lobisomem e de uma moça pedindo ajuda a Deus na capa dá logo uma noção do que se encontra dentro do livro São Luiz do Paraitinga e Histórias, escrito pelos alunos do 6o ano do Colégio São Domingo, na zona oeste de São Paulo. As histórias que recheiam as 90 páginas da obra foram recriadas e reescritas pelos meninas e meninas depois de ouvir e registrar casos populares contados pelos moradores de São Luiz do Paraitinga, município com 10 mil habitantes a 170km da capital paulista. A cidade, terra natal do cientista Oswaldo Cruz, é conhecida por...

Leia Mais

Site de estudantes de jornalismo mostra a (desigualdade da) presença feminina nas pesquisas

Ana Flavia Monteiro, Andressa Moraes, João Victor Siqueira, Natália Nunes e Pamella Massola acabaram de entregar e defender o Trabalho de Conclusão de Curso na Universidade Anhembi Morumbi. Curiosamente, o grupo formado por maioria feminina não representa a configuração mais comum nas pesquisas acadêmicas e, aliás, o trabalho deles é justamente sobre a presença feminina nas ciências. Durante todo o ano, os cinco buscaram dados e explicações sobre a diferença na participação das mulheres nas pesquisas e na produção de conhecimento. Queriam entender por que esse universo é ainda masculino, apesar das investidas das mestres e doutoras. O resultado foi o site...

Leia Mais

Flagra em jaguatirica ganha prêmio da Sociedade de Ecologia Britânica

Todos os anos, a British Ecological Society, ou Sociedade Ecológica Britânica, premia as melhores fotos de natureza clicadas por fotógrafos e estudantes do mundo todo que, de alguma maneira, chamam atenção para a preservação ambiental. Em 2017,  a fotografia vencedora foi “On the trail”, ou, numa tradução livre, “Na trilha”, de autoria do fotógrafo Christopher Beirne, da Universidade de Exeter e Fundação Crees. A jaguatirica, um Leopardus pardalis, fotografada por Beirne passeava por uma trilha da reserva do Manú, um parque de preservação ambiental próximo a Cusco, no Peru. Tradicionalmente, a abertura de trilhas causa impactos negativos sobre a vida selvagem. No entanto, várias...

Leia Mais

Cócegas no cérebro: gênio da ciência e das artes

Orlando/Ciência na rua (A charge de Orlando foi publicada originalmente na edição 58, de outubro de 2000, na revista Pesquisa Fapesp. Publicação autorizada) O cara não era fraco. Leonardo da Vinci nasceu em 1452, em Anchiano, hoje pertencente à Itália. Figura super importante no Renascimento, foi cientista, matemático, engenheiro, inventor, anatomista, pintor, escultor, arquiteto, botânico, poeta e músico. Autor da célebre pintura La Gioconda, ou Monalisa, como é mais conhecida, também se destacou em áreas pouco exploradas pela ciência em seu tempo, como a aviação e a balística. Segundo a historiadora da arte Helen Gardner, a profundidade e a abrangência de...

Leia Mais

Moléculas versus doenças: malária e tuberculose na mira

A luta entre cientistas e doenças não tem fim. Cada descoberta é uma batalha. Dois desses embates foram noticiados recentemente. O primeiro aponta para a ação de uma molécula que ajuda no combate a infecção por Plasmodium, o parasita que causa a malária e que chega ao organismo humano através da picada do mosquito Anopheles. O Plasmodium chega rápido ao fígado, se multiplica em pouco tempo e logo invade os glóbulos vermelhos do sangue, causando sua destruição. Quando a malária se instala, provoca febre e dores e causa a morte de 500 mil pessoas a cada ano. Ainda não...

Leia Mais