Pergunte a um(a) cientista, porque lugar de ciência é na rua

Já virou um hábito em São Paulo: aos domingos, a avenida Paulista é fechada ao tráfego e fica totalmente liberada para pedestres, ciclistas, skatistas, crianças, jovens, idosos, artistas, ativistas de todas as cores, enfim, é entregue à população. Os dois quilômetros da via, um dos símbolos mais poderosos da cidade, em lugar da pressa que esbanja durante a semana,  vira uma extraordinária área de lazer. De lazer e de descobertas, pelo menos no domingo passado, 24 de junho, graças ao Via Saber, um grupo de divulgação científica formado por estudantes de cursinho, graduação e pós-graduação de vários cursos da...

Leia Mais