Autor: Ciência na rua

Prospecção pode impulsionar síntese de moléculas bioativas

O Brasil possui uma biodiversidade fantástica e não é à toa que é chamado de “o maior laboratório a céu aberto do mundo!” Há muito potencial na variedade molecular da biodiversidade brasileira. O programa BIOTA-FAPESP trabalha com a biblioteca de estruturas químicas mais fascinante e perfeita que há. Assista o vídeo para conhecer mais!

Leia Mais

O Aedes e seus efeitos no olhar de Cau Gomez

  C A U G O M E Z, 43 anos, mineiro de Belo Horizonte, por mais de duas décadas, trabalhou como artista gráfico e visual, caricaturista e ilustrador nas principais agências de propaganda e veículos impressos de comunicação do Brasil: Estado de São Paulo, Jornal do Brasil, revista Playboy, dentre outros. Radicado na Bahia, atualmente publica charges e ilustrações no jornal A Tarde em Salvador, colabora com as revistas Gráfica Magazine e Courrier International, na França. Conquistou mais de 50 premiações em diversos Festivais e Salões de Humor no Brasil e no exterior. Dentre eles, destaque para os...

Leia Mais

Primeira aula de jornalismo científico

Em começo de semestre letivo, mergulhado na elaboração de propostas pedagógicas, resgatando pastas, fichas, anotações e papéis rabiscados e até amarelados e selecionando novas leituras a sugerir aos estudantes, tarefas sempre instigantes, acabo de me lembrar como a primeira aula da disciplina “Jornalismo Científico” é invariavelmente marcada por turbilhão de estranhamentos e por divertido jogo de convencimentos. Alunos voltando das férias, a natural preguiça ainda presente, os olhares pouco receptivos e de evidente desejo de pular na jugular do professor – ‘caraca, achei que tinha deixado a Matemática e a Física no ensino médio, e lá vem o Chico...

Leia Mais

Como organizar a resistência

Um programa econômico alternativo É possível, além de derrotar a contraofensiva conservadora, criar as condições para uma ofensiva da esquerda? Sim, se no mais curto prazo de tempo o PT mudar de estratégia e o governo alterar sua política econômica. Precisamos de unidade para derrotar a direita. Mas na esquerda brasileira continuarão existindo diferentes análises, programas, estratégias e táticas – o que não constitui um obstáculo intransponível, ou seja, não impede nosso êxito em defender e ampliar os direitos sociais, as liberdades democráticas, a soberania nacional e a integração regional. Nem impede a luta pelo socialismo. Precisamos de unidade...

Leia Mais